Artigos

O Desafio de Motivar Equipes Terceirizadas

Melissa Almeida
Escrito por Melissa Almeida em 30/03/2020
O Desafio de Motivar Equipes Terceirizadas
Junte-se a mais de 200 empresas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

A tarefa de motivar equipes terceirizadas não é fácil, principalmente para quem não acompanha de perto o seu pessoal.

Sabemos que a logística pode atrapalhar esse acompanhamento, tanto pela distância quanto pelo número de pessoas e muitas vezes acabamos por nos descuidar ou deixar a cargo da empresa contratante.

No entanto sabemos que as implicações trabalhistas limitam as contratantes de tomar algumas atitudes e ficamos apenas a espera dela nos relatar se há algum problema.

Pensando enquanto funcionário, é comum eles se sentirem “abandonados”, pois não fazem parte da contratante e estão distantes da sua empresa de origem. Inclusive é comum às vezes confundirem a quem devem se reportar, por exemplo.

É sabido que esses profissionais vão passar por integração e treinamento nas empresas contratantes (na forma prevista pela lei), mas não podemos nos eximir de dar o nosso melhor para mantê-lo motivado.

E muito se engana quem pensa que motivação está diretamente ligada a ganhos financeiros ou a aumentos salariais.

A comunicação eficiente é considerada um grande diferencial na área de motivação. O fluxo de informações onde o funcionário é orientado, esclarecido, e pode tirar suas dúvidas, propicia segurança ao mesmo.

Sabemos também que benefícios diferenciados como plano de carreira, assistência médica e/ou odontológica, incentivos para estudar podem ser motivadores.

Organize treinamentos e atividades que possam desenvolver habilidades. Estimule o aprendizado.

Sempre que possível faça uma visita aos postos de trabalho para acompanhar de perto as atividades e o desempenho da equipe.

Procure ocasionalmente, reunir sua equipe para manter o vínculo com os mesmos. Crie dinâmicas para aproximá-los, faça um café, um lanche, até mesmo um bombom, um gesto simples mas que para ele tem um significado importante, pois se sente integrado e valorizado.

Não esqueça de dar feedbacks, o funcionário precisa dessa orientação para saber o que está bom e o que precisa ser melhorado.

Ah, mais uma dica muito importante: Parabenize em público e corrija em particular!

Este artigo ajudou você? Tem alguma dúvida? Nós te ajudaremos, envie uma mensagem no WhatsApp (49) 9.9817-3953 ou encaminhe um e-mail para: contato@centraldevagas.com

Deixe sua opinião nos comentários do post.

Olá,

o que você achou deste conteúdo? Deixe sua opinião nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *