Artigos

O que buscar num Currículo

Melissa Almeida
Escrito por Melissa Almeida em 17/04/2020
O que buscar num Currículo
Junte-se a mais de 200 empresas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Seguindo na série de falar com pessoas que não têm um RH estruturado (empresário/empreendedor/supervisor), você leu em nosso artigo anterior – Passo a Passo do Recrutamento e Seleção, que precisa fazer a análise do currículo.

Você fez o recrutamento e recebeu um número sem fim de currículos. E aí você me pergunta, por onde eu começo?

Como falei anteriormente você precisa verificar se o currículo está de acordo com os pré-requistos anunciados para a vaga, daí você me diz: “- Mas isso significa ler todos!”

Calma, vamos fazer um filtro.

Se o currículo for do tipo “top” ele deve ter um resumo, então leia esse texto e veja se o profissional conseguiu em poucos palavras te conquistar. Só que você está procurando o melhor, então ele deve ter escrito algo assim:

• Como ele chegou onde está profissionalmente;
• Quais as maiores realizações profissionais dele;
• O que o diferencia dos demais;
• Porquê ele quer entrar na sua empresa.

Se você tiver o prazer de receber um currículo com essas características, chame esse cidadão para uma entrevista, pois com certeza ele tem potencial.

E sabe por que digo isso? Porque infelizmente a maioria dos candidatos não quer “perder” tempo fazendo currículo ou preenchendo um cadastro. Eles não levam em consideração que é através desse documento que você poderá chamá-lo ou não para uma entrevista.

E acredite, eles dão pouca atenção pra isso e ainda se perguntam “por que será que não me chamaram pra entrevista?” Ou seja, se ele não capricha na carta de apresentação, que tipo de trabalho vai executar?

É claro que tem aqueles ótimos profissionais que não sabem como colocar as informações no papel, tem dificuldade com a tecnologia, mas aí caímos em outro problema: se o profissional não consegue se atualizar será que vai conseguir acompanhar as evoluções do setor?

Neste caso, se você chegou a selecionar algum currículo assim, lembre de dar uma atenção especial para essa pessoa, talvez ela precise de atualizações constantes através de treinamentos propostos pela empresa, ok?

Agora que você já separou os currículos com resumo bom, vamos para um segundo nível dentro do filtro. Vamos supor que a empresa onde o candidato vai trabalhar é no sul da cidade e ele mora lá no norte.

Você tem que avaliar: De que forma ele vai se locomover até lá? Quanto tempo isso vai levar? Será que não vai chegar atrasado devido à distância?

Esse critério é bastante usado em cidades grandes. Se não for o seu caso, ai já pode ir para o terceiro critério de corte, a experiência anterior.

É comum receber currículos de primeiro emprego ou de pessoas que estão mudando de área. Se uma das necessidades da vaga é de um tempo “x” de trabalho anterior ou ainda se exige algum curso técnico específico e o candidato não apresenta, esses currículos você pode desconsiderar.

Acredito que com essas dicas você conseguiu reduzir bastante o número de currículos. Agora é só fazer uma leitura mais criteriosa nos que chamaram sua atenção e agendar a entrevista.

Ah, não esqueça de dar um retorno para aqueles que não foram selecionados, pense que eles estão com uma grande expectativa.

Na Central de Vagas você consegue agilizar esse processo, pois contamos com currículos que trazem o resumo do currículo, além de pedir que eles descrevam as habilidades através do preenchimento de 3 campos específicos:

1. Eu sei fazer
2. Eu tenho
3. Eu sou

Entre lá e verifique você mesmo quais as vantagens.

Tem alguma dúvida? Nós te ajudaremos, envie uma mensagem no WhatsApp (49) 9.9817-3953 ou encaminhe um e-mail para: contato@centraldevagas.com
Deixe sua opinião nos comentários do post.

Olá,

o que você achou deste conteúdo? Deixe sua opinião nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *